Notícias do Mundo Inteiro

Header Ads

(Vídeo) Câmera interna da loja comprova que Damares não agrediu vendedor

Vendedor chegou a abrir ação contra a ministra na Procuradoria-Geral


As imagens internas da loja Cantão do Brasília Shopping, divulgadas pelo site da Época, mostram o dia que a ministra Damares Alves esteve na loja e foi constrangida pelo vendedor Thiego Amorim, que chegou a denunciar a ministra por agressão.
A câmera de segurança do estabelecimento do dia 4 de janeiro mostra Damares e duas amigas entrando na loja. A ministra escolhe uma blusa e vai para o provador.
Quando sai, o vendedor já estava com o celular nas mãos e então se aproxima dela e a questiona sobre a polêmica frase “meninas vestem rosa, meninos vestem azul”. A blusa que Damares estava e a escolhida, eram azuis.
Damares, que estava frente a frente com o vendedor, toca o seu ombro e o acaricia. Uma das amigas se aproxima e tenta afastá-lo da ministra. As 3 mulheres deixam a loja enquanto o vendedor segue filmando a reação da ministrar e dá tchau.
Ao contrário do que ele afirmou, em uma ação protocolada na Procuradoria-Geral da República em 7 de janeiro, fica evidente que não houve agressão por parte da ministra, nem de sua assessora. O rapaz foi desligado da empresa logo após a repercussão do caso. Com informações Época

Postar um comentário

0 Comentários