Notícias do Mundo Inteiro

Header Ads

Aluna é suspensa por revidar LGBTs com versos bíblicos

Estudante cristã se sentiu incomodada com cartazes em prol da causa gay na escola

Estudante posta vídeo e critica escola após suspensão Foto: Reprodução

A estudante do ensino médio Gabby Helsinger, de Ohio, Estados Unidos, foi suspensa de sua escola depois de criticar um grupo LGBT. Os militantes haviam distribuído cartazes e bandeiras pela escola e a adolescente se sentiu incomodada.
Em contrapartida, decidiu realizar um ato semelhante e colou versos bíblicos pelas paredes do colégio. Depois, foi chamada pela diretoria e suspensa por “desrespeito e grosseria”.
A mãe da estudante, Tina Helsinger, se mostrou indignada com a decisão da escola e afirmou que ela “celebra o mal e pune o que é correto”.
– Pais, se isso acontecesse aos seus filhos, o que fariam? Eu apelei afirmando que publicar versos da Bíblia não é abuso, desrespeito, insolência e nem grosseria. O diretor, Scott Butler, me disse que Gabby estava atacando a organização LGBT – relatou Tina.
A escola se manifestou sobre o caso apenas afirmando que não é proibido publicar versos bíblicos, mas que as medidas tomadas foram cabíveis para a situação.

Postar um comentário

0 Comentários