terça-feira, 19 de novembro de 2019

INTOLERÂNCIA RELIGIOSA Mãe de santo xinga pastores durante Festival Lula Livre: "Baixo clero"


INTOLERÂNCIA RELIGIOSA

A mãe de santo também usou palavras de baixo calão para se referir aos líderes evangélicos e o atual governo Bolsonaro, durante o evento em Recife (PE).

Mãe de Santo Elizabeth de Oliveira discursou durante o Festival Lula Livre, em Pernambuco. (Foto: Foto: Douglas Hacknen/Portal de Prefeitura)

Mãe de Santo Elizabeth de Oliveira discursou durante o Festival Lula Livre, em Pernambuco. (Foto: Foto: Douglas Hacknen/Portal de Prefeitura)

Na tarde da última segunda-feira (18), aconteceu no Pátio do Carmo, Centro de Recife (PE), o Festival Lula Livre, que além da presença do ex-presidente Lula, também teve participação de artistas locais, militantes e também representantes de religiões afro, como a mãe de santo Maria Elizabeth de Oliveira, que deu declarações controversas e ofensivas contra líderes evangélicos.
A mãe de santo aproveitou uma oportunidade que teve de pegar no microfone para espaço tecer duras críticas ao atual governo e ofender evangélicos, mandando os pastores "se fo***" e chamando-os de fundamentalistas.

"A gente não cabe nessa caixa fundamentalista, esse baixo clero não pode tomar o nosso país de assalto e fazer, esse, um país fundamentalista. Vá se fod** esses pastores que acham que a gente não tem força e não tem poder. Nós somos a maioria, somos negros, afrodescendentes e mulheres. Vá se fod** a elite branca e escrota deste país", disse ela.
A Ialorixá é também uma ativista cultural e coordenadora do Ponto de Cultura Coco de Umbigada, em Olinda.

Suas críticas também não pouparam ofensas e palavras xulas quando se referiu ao atual governo Bolsonaro.

"Bolsonaro vá se fod**, a gente não votou, a gente não aceita esse desgoverno que acha que não somos nada. Somos mulheres do Nordeste negras e indígenas. Vá se fod** ele com essas mulheres ricas e brancas que não sabem o que é luta e não sabem o que é sustentar filhos", acrescentou ela, conforme pode ser visto no vídeo abaixo (atenção: o vídeo contém palavras de baixo calão)



Em seu discurso, Lula ressaltou o "drama" que vivenciou estando pouco mais de 580 dias em uma cela no prédio da Superintendência Regional da PF no Paraná, em Curitiba, que apesar de certos "privilégios" quando comparada a outras celas comuns, foi chamada por ele de "solitária".
O ex-presidente também reforçou declarações anteriores que deu na época em que foi preso, lembrando que ele deixou de ser "apenas o Lula", mas sim "uma ideia já assumida pelo povo brasileiro".

Fonte: Guiame.com



Professor pede redação sobre sexo para crianças do 6º ano

Aulas foram fotografadas e gravadas por alunos

Professor Wendel Santana tinha contrato temporário com a Secretaria de Educação até o fim de 2019 — Foto: TV Globo/Reprodução

Professor Wendel Santana tinha contrato temporário com a Secretaria de Educação até o fim de 2019 — Foto: TV Globo/Reprodução

Fachada do Centro de Ensino Fundamental (CEF). (Foto: TV Globo / Reprodução)


O professor Wendel Santanade português da Rede pública do Distrito Federal foi afastado após dar uma aula sobre sexo, onde fazia referência a expressões explícitas.
A aula para alunos do 6° ano, com idades entre 11 e 12 anos, foi dada na quarta-feira (13) no Centro de Ensino Fundamental (CEF) 104, da Asa Norte. Ele chegou a pedir uma redação sobre “sexo oral e anal”.
A imagem do quadro usado pelo professor para escrever as palavras a serem debatidas foi compartilhada nas redes sociais, causando indignação em pais que têm seus filhos na rede de ensino.
Professor de Brasília ensina crianças de 10 anos sobre sexo anal e oral durante aula de português 20
Professor do DF ensina sobre sexo. (Foto: TV Globo / Reprodução)

Os estudantes registraram também algumas falas do professor, entregando aos pais, que ficaram chocados com o tipo de conteúdo que os filhos estavam sendo expostos. Para os pais trata-se de conteúdo pornográfico.
Direção e pais

Após receber a denúncia, a reportagem do Metrópoles esteve no colégio na manhã desta segunda-feira (18). No entanto, o diretor responsável pela unidade informou não ter sido autorizado a dar entrevistas sobre a polêmica.

Segundo a reportagem do Metrópoles, uma mãe que não quis se identificar relatou ter tomado conhecimento da ocorrência pelo seu filho de apenas 10 anos.
“Ele comentou sobre o professor, que escreveu no quadro algumas palavras, e me disse que nem sabia o que significava. Vou procurar a direção e pedir um posicionamento sobre o que eles estavam aprendendo. Queremos saber qual era o assunto debatido em sala. Uma outra mãe comentou que vai ocorrer uma reunião de pais para falar sobre o assunto. Estou aguardando”, disse a mulher ao jornal.
Governo
A Ministra de Estado da Mulher, da Família e dos Direitos Humanos, Damares Alves, que é mãe, pastora evangélica, educadora e advogada, também se manifestou sobre o caso.
“Essas crianças têm 10 anos!!! Às famílias brasileiras informo que em breve o governo disponibilizará canal para o recebimento de denúncias de casos como este. A escola deve ensinar. A educação é direito e dever da família”, disse Damares.
Essas crianças têm 10 anos!!!
Às famílias brasileiras informo que em breve o governo disponibilizará canal para o recebimento de denúncias de casos como este. A escola deve ensinar. A educação é direito e dever da família.
Segundo informou o G1, o professor era temporário e foi afastado pela Secretaria de Educação do DF. Ele tem 25 anos e se chama Wendel Santana, e reconheceu que escreveu as expressões vulgares, mas a ideia era mostrar a diferença entre maneiras formais e informais de falar sobre a questão.
Fontes: G1, Metrópoles e Gospel Prime


China obriga identificação digital de membros de igreja

Eles perseguem os cristãos

Resultado de imagem para bandeira da china

A Igreja Three-Self é autorizada a funcionar, porém seus fiéis são fortemente vigiados.

Identificação digital de membros da Three-Self. (Foto: Bitter Winter)

A igreja Three-Self, que sofre forte influência do governo da China, está implantando um sistema de reconhecimento facial de seus fiéis na cidade Urumqi, capital da região de Uigur de Xinjiang.

Apenas os membros cadastrados poderão entrar no culto e o método de identificação digital será introduzido em igrejas de outras cidades chinesas nos próximos meses.
Desde outubro a Igreja Muyang, em Hubei, tem cadastrado seus fiéis. O ministério Bitter Winter revela que os equipamentos de reconhecimento digital fica no segundo andar e os fiéis formam filas para terem seus rostos e impressões digitais escaneados para que eles possam participar do culto.
Na igreja de Tian’en também foram instalados equipamentos de reconhecimento facial.
Uma fonte revelou o Bitter Winter que na cidade de Huangshi os conselhos cristãos locais ordenaram o registro das impressões digitais dos crentes e suas informações pessoais e familiares no sistema.
O frequentador da igreja ficou perturbado com a ordem, uma vez que o requisito não apenas coloca os membros das congregações sob constante monitoramento e vigilância do governo, mas também pode implicar seus familiares e parentes.
Apenas os membros cadastrados poderão entrar no culto e o método de identificação digital será introduzido em igrejas de outras cidades chinesas nos próximos meses.
Desde outubro a Igreja Muyang, em Hubei, tem cadastrado seus fiéis. O ministério Bitter Winter revela que os equipamentos de reconhecimento digital fica no segundo andar e os fiéis formam filas para terem seus rostos e impressões digitais escaneados para que eles possam participar do culto.
Na igreja de Tian’en também foram instalados equipamentos de reconhecimento facial.
Uma fonte revelou o Bitter Winter que na cidade de Huangshi os conselhos cristãos locais ordenaram o registro das impressões digitais dos crentes e suas informações pessoais e familiares no sistema.
O frequentador da igreja ficou perturbado com a ordem, uma vez que o requisito não apenas coloca os membros das congregações sob constante monitoramento e vigilância do governo, mas também pode implicar seus familiares e parentes.
Fonte: Gospel Prime

segunda-feira, 18 de novembro de 2019

OAB é pressionada para pedir impeachment de Dias Toffoli

                                Ministro é criticado por abuso de poder


Presidente do STF, Dias Toffoli Foto: STF/Nelson Jr


Nesta segunda-feira (18), o Instituto Nacional de Advocacia (Inad) apresentou um ofício à Ordem dos Advogados do Brasil (OAB) denunciando o presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), Dias Toffoli, por “conduta arbitrária e possivelmente criminosa” sobre o caso do pedido de acesso a relatórios sigilosos da Receita Federal e do Coaf.

De acordo com o site O Antagonista, o Conselho Federal está reunido em Brasília e é provável que o órgão delibere sobre o pedido.

Fonte: Pleno News


quinta-feira, 14 de novembro de 2019

DETRAN BA, SEGUNDA MAIOR ARRECADAÇÃO DA BAHIA TEM O PIOR SERVIÇO

DETRAN - BA, obra "P" de pequeno, petista e podre do Estado da Bahia

ou    


Quem precisa dos serviços do Detran na Bahia precisa de muita paciência, pois os serviços oferecidos pelo Detran, além de lentos, são burocráticos. A 27ª CIRETRAN  de Senhor do Bonfim por exemplo, teve cinco funcionário exonerados e nenhum foi colocado para substituí-los, causando assim, atrasos nos serviços. 

Um cidadão, que não quer ser identificado, teve o seu carro clonado em maio do ano passado (2018), e ao receber várias multas, foi ao 27ª Ciretran que o orientou como fazer para apresentar uma defesa. Após seguir todas as orientações e fazer tudo como manda o regulamento, até hoje não conseguiu resolver o seu problema. Tudo depende do DETRAN  em Salvador. O CIRETRAN  em Senhor do Bonfim está sem impressora, sem telefone, e alguns dos poucos funcionário que ainda restam, são mal educados e desinteressados. O Sr. Cleriston, coordenador do órgão em Bonfim, se esforça mas, depende do comando em Salvador. 

O ambiente não anda nada bem no horário de atendimento, e se algum dia, algum contribuinte afoito, perder a paciência e causar alguma violência,  quem será o culpado? 
São muitas as reclamações sem sucesso. Esta é uma obra "P" de pequena, petista e podre do governo do Estado. Este é o jeito petista de trabalhar.

Fonte da figurinhas: Web


terça-feira, 12 de novembro de 2019

A ordem ou o caos: A sociedade brasileira precisa fazer uma escolha

Sem ordem e sem respeito às leis não existe progresso.

Por William Douglas

Bandeira do Brasil. (Foto: Vladimir Platonov / ABr)

É apavorante quando um professor universitário defende publicamente a morte de pessoas que pensam diferente.

É apavorante quando os cidadãos perdem qualquer pejo de defender publicamente a violência e a morte de adversários políticos.
É apavorante quando alguém, ainda mais uma mulher, sugere um estupro.
É apavorante quando qualquer pessoa, ainda mais uma advogada, sugere a prática de crimes.
É apavorante quando alguém que fez Direito quer “punir” outra pessoa sem devido processo legal, ampla defesa e individualização da eventual pena. Não se ataca a família de ninguém.
É apavorante quando um cidadão ataca o Judiciário. Vale registrar que no caso da prisão na segunda instância, embora o Brasil seja o único no mundo a caminhar diferente, ao menos no país há pessoas respeitáveis pensando de forma diferente.
Alerto que não concordo com a decisão. Entendo que a presunção de inocência não impede a prisão durante o processo (flagrante, temporária, preventiva etc.). O cidadão pode discordar de uma decisão, ou não gostar de um ministro (ou de todos) ou de qualquer agente público, de qualquer dos três Poderes. Isso pode.
Porém, dentro do Estado de Direito há coisas que não podem ser sequer sugeridas.
Temos que acabar com a cultura da violência. Hoje ela atinge seus desafetos, amanhã sua família. Isso é barbárie.
A discordância deve ser veiculada na forma da lei, respeitando-se a ordem pública e os ritos e procedimentos previstos na Constituição Federal e na legislação. Isso é o que nos civiliza e nos protege do caos.
Qualquer pessoa que sugira ou incentive a prática de crimes está praticando crime. A liberdade de expressão não agasalha a apologia de crime ou de violência.

Quem sugere a prática de crimes não só prejudica o país como também está sujeito à prisão para a garantia da ordem pública (art. 312 do CPP). Vamos estabelecer a ordem. Vamos combater o que quisermos, mas nos mantendo dentro da legalidade. Ninguém pode defender seus direitos ou interesses caminhando à margem da lei.
É a lei que nos protege. A lei não pode ser respeitada apenas quando simpatizamos com ela.
O país é democrático e há décadas os legisladores são eleitos pelo povo. Então, precisamos aprender a respeitar as regras gerais que atingem, obrigam e protegem a todos.
Sem ordem e sem respeito às leis não existe progresso.
Fonte: Gospel Prime

.Grupo LGBTQ+ quer que 20% dos personagens da TV sejam gays

Grupo entende que esses personagens são fundamentais para “mudar corações e mentes através da cultura”

David e Keith de Six feet under. (Foto: Reprodução / HBO)

A organização Gay and Lesbian Alliance Against Defamation (GLAAD) divulgou um relatório na semana passada se comprometendo a cobrar que até 2025 20% dos personagens da TV sejam LGBTQ+.

O relatório intitulado de “Onde estamos na TV” cita uma pesquisa on-line com 2.037 adultos dizendo que um quinto dos norte-americanos com idades entre 18 e 34 anos se identificam como LGBT e 12% de todos os adultos (somando acima de 35 anos).
Ao falar sobre a importância de personagens gays na TV, a presidente da GLAAD, Sarah Kate Ellis, observa que “menos de um quarto dos americanos tem um amigo íntimo ou membro da família que é trans”, isso significa que eles “aprendem sobre pessoas trans com o que veem na televisão, filmes e notícias”.
Diante desta informação, o grupo entende que a presença de personagens que se identificam como LGBT na programação de televisão é fundamental “para mudar corações e mentes na cultura”.

Istoé chama chefe da Secom de Goebbels e será processada por entidades judaicas

Fábio Wajngarten, secretário da Secretária de Comunicação do Governo, é judeu.

Por Neto Gregório


Fábio Wajngarten. (Foto: Marcelo Camargo / Agência Brasil)


Em matéria de capa e tentando criar um perfil de Fábio Wanjgarten, diretor da Secom, a revista Istoé o comparou a Joseph Goebbels, chefe do departamento de propaganda nazista de Adolf Hitler.

A reportagem mostra desagrado com a diminuição de publicidade estatal em veículos tradicionais da grande mídia. Repete o mantra esquerdista e chama de “fascismo” a economia que o governo vem fazendo nessa área.
A visão da publicação parece querer obrigar que o governo sustente empresas privadas de comunicação. Cita também uma suposta “manipulação da comunidade judaica”, comandada por Wanjgarten, na verba estatal – que nem deveria existir, para veículos alinhados ao governo.
Em reação à matéria, a Confederação Israelita do Brasil (Conib) e a Federação Israelita do Estado de São Paulo (Fisesp) emitiram uma nota onde chamam o texto de antissemita e anuncia um processo criminal contra a Istoé.
“O texto comparando um membro de nossa comunidade ao carrasco nazista e montando um quadro ilustrativo intitulado ‘a manipulação da colônia judaica’ ultrapassou a barreira do jornalismo ético e informativo que todos nós prezamos enquanto brasileiro”, afirmam as duas organizações em nota conjunta.
Fonte: Gospel Prime

domingo, 10 de novembro de 2019

Religiões afro estão “fazendo macumba para Lula ser solto”, diz mãe de santo

Um grupo de adeptos de religiões afro-brasileiras declarou que está realizando “macumba pra libertar Lula” da prisão.
Os adeptos das religiões afro realizaram a 13ª edição da caminhada dos terreiros de Pernambuco sob o tema “Mexeu com um, Mexeu com todos”, e durante a passeata, a manifestação religiosa se transformou em ato político, com pedidos pela libertação do ex-presidente Lula (PT).
De acordo com informações do programa Brasil Notícias, apresentado pelos jornalistas Ana Carolina Cury e Gilberto Nascimento, os manifestantes gritavam palavras de ordem em favor do petista durante a caminhada: “Lula livre, Lula livre, Lula livre! Mexeu com um, mexeu com todos. Nós queremos paz, amor, e queremos Lula livre!”.
O senador Humberto Costa (PT-PE) compareceu ao evento e recebeu espaço para fazer um discurso. Logo após sua fala, a mãe de santo Elza, que era uma das líderes da caminhada, fez questão de afirmar que os terreiros estão “fazendo macumba para que o ex-presidente seja solto”.
“Eu tenho esperança. A gente vai tirar o nosso Lula de lá.  Leve esse carinho para ele.  O povo de terreiro ‘tá’ fazendo macumba, ‘tá’ fazendo (…) Eu não posso deixar de me emocionar, porque hoje Oxum disse que nós teríamos alegria e ver o senhor é ver Lula na rua”, disse a religiosa.
O ex-presidente Lula está preso desde o dia 07 de abril de 2018 na carceragem da Polícia Federal em Curitiba (PR) após condenação em segunda instância no Tribunal Regional Federal da 4ª Região (TRF-4). Na ocasião, a pena inicial imposta pelo então juiz Sérgio Moro foi aumentada de 9 anos e seis meses para 12 anos e um mês.
Desde então, o Superior Tribunal de Justiça (STF) confirmou a condenação de Lula em terceira instância e reduziu a pena de Lula para 8 anos, 10 meses e 20 dias.

Redes sociais

O senador pernambucano Humberto Costa está em destaque na política nacional após uma enquete realizada no Twitter sobre a percepção dos nordestinos a respeito do trabalho realizado pelo governo Jair Bolsonaro (PSL).
Ele escreveu: “Bolsonaro disse: ‘Meu governo é um dos mais democráticos dos últimos anos’. Será que o nordestino concorda?”. Após oito horas de enquete, mais de 33 mil internautas haviam respondido a pergunta, com 82% de resposta positiva em concordância com a declaração do presidente da República.
Fonte: Gospel Prime

sexta-feira, 8 de novembro de 2019

Oração por objetos tem base bíblica?

Oração por objetos tem base bíblica?



A Bíblia é contra o uso de amuletos. Usar amuletos é idolatria e uma forma de feitiçaria. Amuletos não têm poder para nos ajudar.
Um amuleto é um objeto que a pessoa leva consigo ou guarda em um lugar especial, acreditando que tem poder para trazer sorte e/ou afastar influências malignas. Quem usa um amuleto põe sua fé no poder do amuleto. Usar amuletos é uma forma de fazer simpatia.
Usar amuletos é pecado?
Sim, usar amuletos é pecado, porque é idolatria. Devemos ter fé em Deus, não em amuletos. Apenas Ele tem poder para nos abençoar e proteger. Um amuleto é um objeto morto, sem poder nenhum.
Nos tempos da Bíblia muitos povos usavam amuletos. Mas Deus condenou esses povos, porque estavam praticando feitiçaria. Quando o povo de Israel começou a usar amuletos e outros objetos idólatras, Deus prometeu castigo (Isaías 2.6). No Novo Testamento, os cristãos não usavam amuletos e Jesus nunca promoveu essa prática.
Usar amuletos é uma forma de feitiçaria, porque a pessoa tenta manipular forças espirituais para conseguir o que quer. Mas nós não podemos manipular forças espirituais. O amuleto não tem poder, mas o engano tem. Quem acredita na mentira do poder dos amuletos se afasta de Deus, que é a verdade, e seu relacionamento com Deus sofre (Romanos 1.25).

E os lenços que curavam pessoas na Bíblia?

A Bíblia diz que algumas pessoas levavam lenços e aventais que o apóstolo Paulo usava e os colocavam por cima de pessoas doentes e eles eram curados. Mas a Bíblia diz claramente que era Deus que realizava os milagres, através de Paulo (Atos dos Apóstolos 19.11-12). Os lenços não tinham poder nenhum!
Nessa situação, os lenços eram apenas um símbolo da ação de Deus. Paulo não conseguia chegar a todas as pessoas para lhes impor as mãos, então esses lenços eram usados simbolicamente. Mas quando outras pessoas tentaram fazer milagres usando o nome de Jesus e de Paulo como feitiço, eles foram castigados (Atos dos Apóstolos 19.13-16).
A Bíblia usa muitas coisas como símbolos, para nos lembrar do poder de Deus. No deserto, quando os israelitas estavam morrendo de picadas de cobras, Deus mandou criar uma estátua de bronze de uma cobra. Quem olhasse para a estátua seria curado por Deus (Números 21.8-9). Mas, anos mais tarde, os israelitas passaram a adorar a estátua e a pôr sua confiança nela. Por isso, a estátua foi destruída, porque se tinha tornado um ídolo (2 Reis 18.4).
Da mesma forma, não é errado ter um versículo em casa que lhe lembra do poder de Deus e lhe faz pensar nele. Mas, se você começa a acreditar que esse versículo, em vez de Deus, lhe protege e abençoa, isso é idolatria. O versículo se torna um amuleto. O mesmo vale para qualquer outro objeto.
Extraído do site www.respostas.com.br/o-que-a-biblia-diz-sobre-amuletos/ em 08/11/2019

STF garante dia de trevas para o Brasil!!!

Com voto de Dias Toffoli, STF decide anular prisão em 2ª instância



O Supremo Tribunal Federal (STF) decidiu, nesta quinta-feira (7), anular a prisão após condenação em 2ª instância, com o voto do presidente da Corte, ministro Dias Toffoli, após o placar ter ficado empatado em 5 a 5.
NOTA: OREMOS PELO BRASIL, POIS SÓ DEUS PARA DERRAMAR JUSTIÇA SOBRE NÓS!!!
Fonte: CACP

Globo inicia processo de fusão com dança de cadeiras e demissões


SERÁ INÍCIO DE FALÊNCIA DA GLOBO?

A partir de janeiro, a TV Globo, Globosat, Globo.com, DGCorp (Direção de Gestão Corporativa) estarão todas unidas em uma única empresa


Globo inicia processo de fusão

Globo inicia processo de fusão


O Grupo Globo anunciou oficialmente o início do seu processo de fusão de empresas e departamentos.
Chamado de Uma Só Globo, o processo, articulado pela Accenture — empresa de consultoria em tecnologia e transformação empresarial —, tem como objetivo unir, numa só empresa, a TV Globo, Globosat, Globo.com e DGCorp (Direção de Gestão Corporativa).
Nos bastidores o clima é de tensão, uma vez que fusões representam cortes de funcionários e dança de cadeiras nos cargos de direção. As demissões já começaram.
A partir de janeiro, todas essas empresas vão se juntar em uma nova empresa que receberá o nome Globo. Anunciada hoje pelo presidente executivo Jorge Nóbrega, a estrutura integrada é resultado da estratégia de transformação digital da Globo.
A nova empresa centralizará a criação e produção de conteúdos de forma separada dos canais e serviços, agrupará os negócios digitais em uma única área, concentrará as expertises corporativas em núcleos de competência para apoio a toda a empresa e buscará parcerias para explorar novos segmentos de negócio, relacionados a seus ecossistemas.
“A marca Globo como a conhecemos hoje, sinônimo de TV aberta, passa a dar nome a uma empresa nova, ampliada, integrada e orientada a novos desafios e oportunidades. Estamos transformando nossos negócios atuais e desenvolvendo novos. A experiência digital mudou muito a maneira como o público consome mídia, conteúdos e serviços, e nós mudamos junto. O investimento que estamos fazendo em novas tecnologias e modelos de negócio não implica abandonar as nossas forças tradicionais. Nossa estratégia amplia a força da televisão, ao unir TV aberta e TV fechada às oportunidades digitais, com o consumidor no centro do negócio”, explica Jorge Nóbrega.
Nessa nova estrutura, Paulo Marinho, responderá pela TV Globo, pela gestão de sua rede de afiliadas e pelo portfólio dos canais de televisão por assinatura.
A ‘Criação & Produção de Conteúdo’ será liderada por Carlos Henrique Schroder, que vai comandar a criação e produção, para todas as plataformas, de conteúdos de Entretenimento, Esporte e Jornalismo. A orientação editorial do jornalismo da empresa continuará sendo exercida pelo Conselho Editorial do Grupo Globo, que conta com a participação de Ali Kamel, diretor de Jornalismo da Globo.
‘Produtos & Serviços Digitais’ estará a cargo de Erick Brêtas, gerindo o portfólio de iniciativas digitais, como  Globoplay, G1, Globoesporte.com, Gshow, a home da Globo.com, o Cartola e novos produtos e serviços que continuarão a ser lançados.
Concentrando toda a venda de publicidade, a área de ‘Soluções Integradas de Publicidade’ estará sob a direção de Eduardo Schaeffer.
A aquisição de diversos tipos de direitos necessários à produção audiovisual, principalmente em esporte e entretenimento, estará também reunida numa nova área, ‘Aquisição de Direitos’, sob a liderança de Pedro Garcia.
Comandada por Rossana Fontenele, a área de ‘Estratégia & Tecnologia’ será responsável pela proposição da visão de longo prazo do negócio, parcerias e alinhamento estratégico. ‘Tecnologia’, disciplina fundamental para a transformação da Globo em uma empresa mediatech, também se reportará a Rossana.
‘Marca & Comunicação’ terá Sergio Valente à frente. ‘Finanças, Jurídico & Infraestrutura’ responderá a Manuel Belmar. Claudia Falcão vai liderar ‘Recursos Humanos’. Paulo Tonet comandará ’Relações Institucionais’. E Marcelo Soares estará à frente da ‘Som Livre’ – acumulando essa função com a gestão do ‘Sistema Globo de Rádio’.
A ‘Editora Globo’, sob a direção geral de Frederic Kachar, permanecerá com gestão independente da nova estrutura Globo, se reportando a Jorge Nóbrega.
Roberto Marinho Neto assumirá a liderança da ‘Globo Ventures’, saindo do comando do Esporte. Na Globo Ventures, será responsável pelos investimentos diretos dos acionistas em novos negócios, mantendo uma relação constante de proximidade e atuação articulada com a Globo.
As mudanças começam a ser implantadas em janeiro e a evolução desta primeira etapa da estrutura organizacional da Globo será detalhada nos próximos meses.
Fonte: R7