Notícias do Mundo Inteiro

Header Ads

Ônibus "cata véio" tenta tirar idosos das ruas da Grande BH

Iniciativa de moradores de Vespasiano (MG) tem divertido a população e alertado sobre a necessidade de permanecer em casa durante a quarentena


Ônibus reformado alerta idosos para a importância de ficar em casa

Ônibus reformado alerta idosos para a importância de ficar em casa

Reprodução/RecordTV Minas

Um casal de de Vespasiano, na região metropolitana de Belo Horizonte, reformou um caminhão, carinhosamente apelidado de "Cata Veio", para circular pela Grande BH alertando os idosos sobre a importância de manter o isolamento social durante a pandemia do coronavírus.
"É o caminhão Cata Veio passando na sua rua. Acima de 60 anos, tamo levando ôces pra casa" (sic), diz a mensagem em um alto-falante.
A iniciativa começou como uma tentativa bem humorada da empresária Katya Salomão de conscientizar as sete tias idosas sobre a necessidade de ficar em casa durante a quarentena.
O ônibus comprado por seu marido, André, para uma restauração, acabou se transformando no veículo perfeito para transmitir a mensagem do casal. Deu tão certo que, agora, a empresária está recebendo pedidos de ajuda da população.
— As pessoas param a gente, filmam, e falam "mãe, fica em casa que o cata véio existe mesmo". Netos também fazem vídeos para as avós. Está sendo muito divertido.
Com passagens por Belo Horizonte e Lagoa Santa, o veículo não leva ninguém para casa, mas ajuda como pode, distribuindo máscaras, luvas e álcool em gel para os idosos. Apesar da expressão, Katya explica que o nome do ônibus não tem nada de pejorativo. 
— Ele sabem que "véio" é uma forma carinhosa de tratar as pessoas e estão levando na esportiva, na brincadeira. É o que alivia o coração, faz levar a vida de uma forma mais leve. É a forma que a gente encontrou, nesse momento tão tenso, de falar a verdade brincando. O homem do saco, hoje, já não pega mais criança, está pegando é velho.
Veja mais:


*Estagiária do R7 sob a supervisão de Pablo Nascimento

Postar um comentário

0 Comentários